Como gerar vendas online: os 3 melhores métodos

Desta vez pegamos o touro pelos cornos!

De uma forma geral analisamos aquilo que deve ter em conta para gerar vendas online.


- Transição Digital

- Loja Física vs. Loja Online

- Construir as estratégias de e-commerce

- 3 métodos para vender online

- Conclusão





TRANSIÇÃO DIGITAL



Dado o momento que atravessamos, com a expansão e "democratização" da internet, o processo de integrar tecnologia digital em todos ou vários processos da empresa exige mudanças fundamentais de tecnologia, cultura, operações e entrega de valor. Para aproveitar melhor as tecnologias emergentes e a sua rápida expansão nas atividades humanas, uma empresa precisa de se reinventar, transformando e tornando mais eficientes os seus processos.


No momento, uma das maiores tendências está no aproveitamento da oportunidade de vender online. E isto aplica-se a praticamente todos os tipos de empresas, produtos ou serviços.


Logicamente, as empresas com loja física também podem gerar vendas online.



LOJA FÍSICA vs. LOJA ONLINE



Caso ainda esteja a pensar se vai abrir uma loja online ou física, fica uma dica. Começar a vender online implica muito menos burocracia. Uma loja de e-commerce (ou loja online), é uma plataforma comércio eletrónico, isto é, toda a modalidade de transação comercial de compra e venda realizada através da internet com o uso de um equipamento eletrónico. Mas, nenhuma marca começa do nada e seja qual for o caminho, nunca é fácil. Na verdade, ter um negócio de e-commerce rentável é o sonho de muitos empreendedores que veem no mundo online uma oportunidade única para fazer crescer o seu negócio. No entanto, como em tudo o que é realizado com sucesso, existe um forte planeamento e acompanhamento contínuo. É necessário formalizar o processo de compra, registar todos os fluxos e calcular o retorno sobre o investimento. No e-commerce não é diferente, entrar nesse mundo virtual levanta novos desafios, pelo que é necessária uma preparação e acompanhamento sérios e demorados.



CONSTRUIR AS ESTRATÉGIAS DE E-COMMERCE



Antes de iniciar qualquer atividade de promoção do seu produto/serviço online, tal como funciona offline, devemos seguir alguns passos, básicos mas essenciais para a definição de uma estratégia adequada às necessidades e possibilidades da sua empresa.


Checklist para construção de uma estratégia de e-commerce:


  • Identificar o Público-Alvo

  • Estudar a Concorrência

  • Identificar os possíveis pontos de contacto com o público

  • Identificar o seu fator de diferenciação

  • Definir os objetivos que se pretende atingir

  • Identificar as métricas a avaliar

  • Construir os conteúdos e páginas

  • Definir o orçamento de promoção/comunicação da marca


Quanto mais tempo e detalhe dedicamos a cada um destes pontos, melhores resultados podemos esperar.


E atenção! Como qualquer estratégia, não devemos esquecer-nos de acompanhar os resultados a adaptar consoante os mesmos.



3 MÉTODOS PARA VENDER ONLINE



Para aumentar as vendas online existem, na verdade, quase infinitas combinações de ações e lançamentos.


As possibilidades são muitas pelo que devemos começar com aquelas que geralmente resultam e mais se adequam à nossa realidade.


1 - Otimizar a página para SEO (Otimização para Motor de Pesquisa)

Com esta otimização, o objetivo é fazer que o seu website apareça no topo das listas de pesquisa quando os seus clientes procuram os serviços que oferece (sem ter que pagar pela publicidade).


2 - Desenvolver campanhas de SEM (Marketing de Motor de Pesquisa)

Consiste na implementação de técnicas de targeting, gestão de custos e criação de conteúdo promocional. O propósito é o seu site/página ser o primeiro resultado na lista de pesquisa, quando o cliente procura os termos pelos quais está a pagar.


3 - Investir em Redes Sociais & Influencers (Otimização para Motor de Pesquisa)

Com as redes sociais é possível atingir outro tipo de pública e de uma forma mais orgânica. A criação de conteúdo regular e relevante, viral e, sobretudo, original é a base para a sua comunicação nas plataformas sociais. Além disso, estabelecer parcerias com influenciadores leva a sua marca até outro público sem custos, que será potencialmente interessado e influenciável pelo influenciador parceiro que escolher.


Dentro de cada um destes campos existem ínfimas técnicas que podem ser desenvolvidas e, sempre, adaptadas ao contexto.

Nenhuma estratégia vai atingir todo o seu potencial e gerar resultados animadores se não for acompanhada e adaptada.


Se está a gerir a comunicação da sua empresa e ainda está a decidir por qual estratégia optar, não perca mais tempo.


O essencial mesmo é começar e testar. Perceber o que resulta melhor e pior, e adaptar.



CONCLUSÃO



O melhor conselho que podemos dar é: comece!


Comece já, teste em ponto pequeno, ganhe experiência e gosto pelo e-commerce e construa um empreendimento de successo.


E lembre-se, não existe sucesso sem falhanço nem aprendizagem sem erros.


Caso pretenda contratar uma equipa de profissionais experientes para o ajudar a transformar a ideia em realidade, fale connosco.

Envie e-mail para joaomatos@rec.pt ou contacte o +351 967 863 367